O projeto TRanÇa – Teatro Ribeiro Conceição na Dança, é um projeto de cariz formativo e social, o qual decorre ininterruptamente desde 2009. Este projeto funciona com vários grupos em processos criativos autónomos, estando organizado por anos letivos.

Metodologia

O projeto inicia com uma fase de exploração de seis meses, com aulas e ensaios regulares, com atividades como ensaios abertos, conversas e encontros, que promovem a partilha e a reflexão sobre o trabalho de grupo. Nos três meses seguintes, reúne-se o material feito por cada turma/grupo, com métodos e rotinas próprios da criação de um espetáculo de dança.

Este processo culmina com uma Mostra de Dança no Teatro Ribeiro Conceição, apresentação pública que acontece no mês de Junho de cada ano.

Esta perspetiva justifica a convergência de lugares, de comunidades e de áreas artísticas. Desta forma é possível entender a dimensão do desafio abraçado por toda a comunidade para criar uma nova obra de arte.


O Escolas Transformadoras tem como objetivos a promoção de competências socioemocionais e a redução de problemas comportamentais nas crianças, seguindo-as do 1° ao 4° ano através de um programa de atividades a desenvolver em sala de aula.

O conceito:

O Escolas Transformadoras consiste na conceção de que os professores e comunidades são agentes de transformação social. Este visa a integração entre o currículo escolar e o desenvolvimento das competências socioemocionais dos alunos, preparando-os para um futuro num mundo em rápida mudança, em que as soft skills são cada vez mais valorizadas e necessárias, não apenas para o sucesso na vida profissional mas também nas relações interpessoais.